Prepare : Snapshot

[EN-just read the original post here]

COMO ME PREPARAR PARA UM SNAPSHOT?

Autoria: Eric Hop / https://forum.helloiota.com/4659/How-do-I-prepare-for-a-snapshot

Tradução [PT-BR]:Rodrigo Guerra / iotabase.info

 

Nota: o Eric Hop é um colega fantástico do grupo de Facebook internacional da IOTA. Eventualmente ele cria artigos muito bons para ajudar os novatos com problemas técnicos.

Vocabulário:

SNAPSHOT: fotografia rápida

WALLET: carteira, que funciona como um navegador de internet: acessa a rede para buscar informação de saldos e transações a partir do acesso seguro da SEED.

LIGHT WALLET: carteira de desktop desenvolvida pelo time oficial da IOTA, super básica

LEDGER: registro (que em criptomoedas é distribuído aos nós)

NODES: nós da rede Tangle

TANGLE: rede específica da moeda IOTA

REATTACH: botão na carteira para forçar a mesma a vincular operações ao Tangle. Lembrar que a carteira não guarda moedas, elas ficam registradas no Tangle.

SEED: senha única de 81 caracteres de A-Z e 9 que todo usuário deve criar aleatoriamente para acessar a wallet. Funciona tanto como ID quanto como senha. Sendo a “chave mestra”, nunca compartilhe nem descuide de sua segurança. Quem tem a SEED, pode transferir as moedas para o endereço que quiser.

Estou recebendo questões o tempo todo sobre o novo Snapshot, então eu pensei que deveria escrever sobre como melhor se preparar para ele.

O que é um Snapshot? [fotografia rápida]

Os nodes [nós] da IOTA estão recebendo transações em uma quantidade assustadora. Eles precisam manter o registro e organizar todas elas. Isto significa sempre aumentar requisitos de memória e de CPU. Para combater isto de tempos em tempos um Snapshot ocorre. Isto essencialmente joga fora todo o histórico de transações e redefine o ledger [registro] IOTA para uma lista de todos os endereços que possuem um saldo positivo e seus saldos.

Depois do processamento do Snapshot um novo Tangle [rede da IOTA] cresce neste ledger [registro] básico. Até que cresça tanto que seja preciso outro Snapshot.

No futuro os nós decidirão eles mesmos quando fazer um Snapshot, mas no momento ainda é uma operação sincronizada. O ledger [registro] do Snapshot é preparado pelo time da IOTA, então é verificado que contém todo o histórico correto de transações por um número de nodes [ nós], e apenas quando o consenso é de que não existem erros no Snapshot é que a luz verde é dada e todo node vai mudar para este novo ledger ao mesmo tempo.

Eu devo me importar com isso e por que?

Bem, você definitivamente deve. Pelo menos enquanto sua wallet [carteira] toma sua informação de estado do Tangle, como as light wallets [carteira para PC desenvolvida pelos devs] estão fazendo neste momento. A wallet não guarrda absolutamente nenhuma informação de estado [fundos, transações] no seu aparelho eletrônico. Isto significa que ela tem de usar a SEED que você fornecer no login para gerar um endereço um por um, checar se estes endereços já foram usados em alguma transação, e se sim ela fica sabendo que já foram utilizados estes endereços e assim recuperar os saldos deste endereços para recuperar o seu saldo total da wallet.

Entretanto, considerando que o Snapshot remove todo o histórico de transações do Tangle, a carteira perde todas as informações de estado e portanto vai mostrar para você saldo zero após o Snapshot! Não se preocupe. Isto é esperado. Tudo que você precisa fazer é reattach [reanexar, função da wallet] todos os endereços previamente utilizados ao Tangle manualmente. [pense que a wallet funciona como um navegador de internet consultando aquilo que está registrado no Tangle]

Espera, o quê?

Sim, porque a IOTA foi projetada para a Internet das Coisas, e seus aparelhos seguem regras simples com extrema precisão e paciência, logo isto não é um problema para IoT devices [aparelhos]. Eles vão alegre e pacientemente reattach cada endereço eles sempre usaram no Tangle. Nosso problema é que nós não somos IoT devices. E as wallets no momento não escondem este processo tedioso por trás das cortinas. Então teremos de fazer isto manualmente para ver nosso saldo ser restaurado.

Uma razão adicional para fazer isto é evitar reutilizar quaisquer endereços que tenham sido usados antes do Snapshot, então nós não acabamos com multi-spends [multi-gastos, gastar várias vezes do mesmo endereço, ação proibida] destes endereços e não estaremos sujeitos a hackers inerceptando transações.

Eu sei, caramba, certo? Mas isto é o que acontece quando software beta ganha larga aceitação antes dos obstáculos serem passados a limpo. Nós podemos reclamar o quanto quisermos sobre isso mas o fato é que nós teremos de lidar com isso até a nova geração de wallets que faça isto automaticamente por trás das cortinas.

Preparações que vão ajudar você a atravessar o processo de Snapshot

Existem algumas coisas que você pode fazer para se preparar para o Snapshot. Uma é acessar sua wallet com sua SEED, ir na seção Histórico / History, e clicar em Endereços / Adresses. Você quer tomar nota de quantos endereços foram usados, e de quais são o primeiro e o último endereços.

Deste jeito, quando você quiser restaruar a carteira depois do Snapshot, você terá alguns dados que auxiliarão ao saber:

1. se você está na SEED correta (você pode comparar o primeiro receive adress que você der reattach com o que você anotou)

2. quantas vezes você terá de fazer reattach receive adresses (endereços para receber moedas) até seus fundos voltarem a aparecer.

Saber disso é vencer metade da batalha. Você sabe imediatamente que está na SEED correta. E você sabe exatamente quantas operações reattach serão necessários fazer para recuperar seu saldo. Aguente o resto do processo que é apenas tedioso.

Depois do Snapshot, se tiver alguma dúvida, basta seguir os passos detalhados neste artigo:

https://forum.helloiota.com/588/Help-My-IOTA-balance-is-zero-steps-to-help-you-find-your-balance-v254

 

 

Clique no botão Menu no canto superior direito da página

e assine este site para receber em seu email os novos posts!